Portal de Conhecimento – Artigos e Tutoriais Informática

Diversos Excel

Razões para criar Dashboard no Excel

Porque os maiores especialistas em painéis descobriram que seria possível gerá-los no Excel.

Alguns se baseiam nos seguintes factos:

• Excel é um software existente em praticamente todas as empresas;

• Contém mecanismos que filtram informações em bases de dados;

• Adaptação rápida para suprir exigências;

• Geram processos automatizados;

• Ligação com várias fontes de dados;

• Melhor relação custo-benefício.

Se os especialistas orientam desta forma, então, vamos economizar dinheiro e usar o próprio Excel para a análise de dados e visualização de indicadores por meio de Dashboards.

Para tirar máximo partido das Ferramentas do Excel- podemos utilizar as PivotTables (Tabelas Dinâmica), Slicer (Segmentação de Dados), Timeline (Linha Cronológica) a partir da versão 2013 do Excel que dispõe de mais recursos visuais que as versões anteriores e novas Ferramentas.

Quais são os tipos de dashboard existentes?
Existem diferentes tipos de Dashboards e cada um exibe informações conforme a necessidade de demonstração de resultados.

Na prática, eles consolidam dados de acordo com a estratégia de negócio. Confira os principais a seguir.

Dashboard operacional
A dashboard operacional é utilizado para acompanhar a evolução de processos organizacionais.

Por meio da análise dos números, é possível identificar se a evolução das actividades atende às expectativas e, assim, realizar modificações para melhorar o desempenho.

Dashboard táctico
Numa dashboard do tipo tático, as principais informações exibidas são voltadas para a tomada de decisões em que o impacto seja sentido a curto ou médio prazo.

Na área de Marketing Digital, por exemplo, esse modelo de painel é utilizado para acompanhar o desempenho de métricas de campanhas digitais.

Dashboard estratégico
A Dashboard do tipo estratégico, como o nome sugere, é utilizado para a tomada de decisões estratégicas na empresa. Ela contém informações consolidadas que permite à gestão identificar qual o melhor caminho a seguir.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *